Lançamento! Dê mais sabor à todos os seus pratos: Conheça meu novo Guia Completo de Temperos e Especiarias.

Camarão Tailandês

camarão-tailandês

O Camarão Tailandês é uma daquelas receitas que você começa a comer e não consegue parar, pois a comida apimentada vicia e você vai aumentando a sua resistência à ardência com o tempo e se torna irresistível.

Pimentas e suas características

Porque apesar da dor ou ardência gostamos tanto de comer comidas apimentadas? Você sabia que isso já é uma história de amor de milhares de anos.

Segundo a Revista BBC, alguns países têm mais apetite por comidas apimentadas do que outros.

Na Turquia, as pessoas consomem em média 86,5 gramas por dia — é a média mais alta do mundo, bem à frente do segundo colocado, o México (com 51,0 gramas), famoso pela gastronomia picante.

Mas por que gostamos tanto de comida picante?

É uma história complicada que envolve nossa busca psicológica por fortes emoções e uma batalha contra os instintos evolutivos.

Uma das teorias é que os seres humanos gostam de alimentos apimentados por causa de suas propriedades antifúngicas e antibacterianas. Já os animais não costumam consumir pimentas, a não ser os pássaros que não se importam com sua ardência.

A tese é a de que as pessoas começaram a perceber que alimentos com sabor apimentado eram menos propensos a apodrecer — a ardência era um sinal de que a comida não tinha estragado. A pimenta era usada para conservar as carnes antigamente, ajudava a manter os insetos longe.

A pesquisa sugere que começamos a comer pimenta por causa do mesmo impulso de buscar fortes emoções que atualmente nos faz andar de montanha-russa ou saltar de paraquedas.

A pesquisadora descobriu que os homens tendem a ser mais motivados por fatores externos, como mostrar a outras pessoas que são capazes de suportar pimentas fortes; enquanto as mulheres se interessam mais pela sensação de ardência em si.

Países como Tailândia, Filipinas, Índia e Malásia estão no topo do ranking de uso de especiarias, enquanto Suécia, Finlândia e Noruega estão no pé da lista.

Os benefícios das pimentas são devidos à presença da capsaicina, que são importantes para o organismo como:

  • Alivia a congestão nasal;
  • Alivia a dor, pois libera hormônios no cérebro que são a sensação de prazer e bem-estar;
  • Atua como antioxidantes, prevenindo alterações nas células e câncer;
  • Age como anti-inflamatório;
  • Estimula a digestão;
  • Aumenta a libido;
  • Favorece a perda de peso, pois aumenta o metabolismo;
  • Melhora a coceira e as feridas na pele em casos de psoríase.

Quanto mais forte o sabor da pimenta, maior o seu conteúdo de capsaicina, que está presente principalmente nas sementes e nas nervuras da casca da pimenta.

Onde usar os vários tipos de pimenta

Os tipos de pimenta variam de acordo com a região que são produzidas, o tamanho, a cor e a intensidade do sabor que elas trazem. À seguir, a ardência da pimenta está classificada de 0 a 7, e quanto maior a classificação, mais forte é a pimenta.

  • Caiena ou dedo-de-moça: usada principalmente para produção de molhos e picles. Picância: 6.
  • Pimenta-de-cheiro: indicada principalmente para temperar peixes e crustáceos, também podendo ser usada para pratos com frango, risotos e legumes refogados. Picância: 3.
  • Pimenta-do-reino: muito utilizada na culinária mundial, pode ser usada como tempero para todos os tipos de pratos. Picância: 1-2.
  • Malagueta e Cumari: usadas para temperar feijoada, carnes, acarajé, bolinhos e pastéis. Picância: 7.
  • Fidalga: usada para temperar peixes e fazer marinadas de legumes e comidas em conserva. Picância: 4.
  • Cambuci e americana: são pimentas doces, muito usadas recheadas, grelhadas, assadas ou em pratos com picles e queijos. Picância: 0.

É importante lembrar que apesar de trazer benefícios para a saúde, o uso excessivo de pimentas pode irritar o intestino e piorar os sintomas de úlcera, gastrite e hemorróidas.

AutorRose MantelliDificuldadeInicianteAvaliação

CategoriaFrutos do MarCozinhaTailandesaTags#camarão-tailandês

Camarão Tailandês, deliciosamente picante!

Rendimento4 Porções
Preparo10 minsCozimento15 minsTempo Total25 mins

Ingredientes:
 500 g de camarão limpo
 200 g cogumelos paris cortados
 2 xícaras de brócolis
 2 xícaras de couve flor
 1 pimenta dedo-de-moça sem sementes
 2 dentes de alho picados
 1 colher de chá de gengibre ralado
 2 colheres de sopa de óleo de gergelim
 1 xícara de água
 1 colher de chá de amido de milho
 ½ xícara de coentro fresco picado
 sal à gosto
 pimenta do reino à gosto
 1 colher de sopa de açúcar
 ½ xícara de molho shoyo

Preparo:
1

Em uma frigideira grande coloque o óleo de gergelim, refogue o alho, pimenta dedo de moça picadinha e o gengibre, adicione o camarão e os cogumelos tempere com sal e pimenta do reino e refogue um pouco. Adicione o brócolis e a couve flor e floretes pequenos para cozinhar mais rápido.

2

Em um xícara coloque a água, o molho shoyo o açúcar e o amido de milho e misture, assim que o brócolis e a couve flor estiver al dente, adicione o líquido e deixe engrossar.

3

Sirva com um arroz Jasmim ou Basmati para aliviar a ardência.

Ingredientes

Ingredientes:
 500 g de camarão limpo
 200 g cogumelos paris cortados
 2 xícaras de brócolis
 2 xícaras de couve flor
 1 pimenta dedo-de-moça sem sementes
 2 dentes de alho picados
 1 colher de chá de gengibre ralado
 2 colheres de sopa de óleo de gergelim
 1 xícara de água
 1 colher de chá de amido de milho
 ½ xícara de coentro fresco picado
 sal à gosto
 pimenta do reino à gosto
 1 colher de sopa de açúcar
 ½ xícara de molho shoyo

Directions

Preparo:
1

Em uma frigideira grande coloque o óleo de gergelim, refogue o alho, pimenta dedo de moça picadinha e o gengibre, adicione o camarão e os cogumelos tempere com sal e pimenta do reino e refogue um pouco. Adicione o brócolis e a couve flor e floretes pequenos para cozinhar mais rápido.

2

Em um xícara coloque a água, o molho shoyo o açúcar e o amido de milho e misture, assim que o brócolis e a couve flor estiver al dente, adicione o líquido e deixe engrossar.

3

Sirva com um arroz Jasmim ou Basmati para aliviar a ardência.

Camarão Tailandês

Super dica: se quiser incrementar mais o prato de camarão Tailandês pode colocar abacaxi em cubos junto para refogar na hora do Brócolis.

Gosta de Camarão então dá uma olhada nessas receitas com esse fruto do mar delicioso, Risoto de Camarão, Camarão Crocante, Massa com Molho Rosé de Camarão, Camarão Assado na Brasa.

Conclusão sobre o Camarão Tailandês

Esse prato de Camarão Tailandês ficou um arraso, não sobrou um camarão para contar história e com um arroz Basmati, dá aquela aliviada no paladar. Aqui em casa adoramos uma comida Tailandesa, ou qualquer comida apimentada como a mexicana que agrada bastante também.

Bora Provar!